ANUNCIE AQUI!
13/08/2011

Waldemir começa nomear secretárias “aprovadas” em concurso para garantir futuro emprego

Muitas pessoas teriam sido surpreendidas com publicação feita pelo prefeito de Tupã, Waldemir Gonçalves Lopes (PSDB), exonerando a secretária de Cultura e Turismo, Aracelis Góis Morales e no mesmo ato, nomeando-a para ocupação do cargo de turismóloga.

Neste caso, a exoneração se faz necessária para ocupação de um cargo a qual a secretária foi “aprovada” em primeiro lugar. Fato este que teria sido questionado até junto ao Ministério Público de Tupã.

Mas este não teria sido caso único nos dois poderes constituídos do município. Assim como na Câmara, uma candidata protegida do ex-presidente Antonio Alves de Souza, “Ribeirão” (PP), passou também num concurso em primeiro lugar. A secretária da Educação também foi muito bem.

As duas secretárias já têm garantido os próximos empregos na administração pública por tempo indeterminado. Não estou questionando a capacidade das duas, ao contrário e também é um “direito” que lhes assiste, mas, assim como mulheres públicas, deveriam ter dado oportunidade de igualdade aos demais participantes do famigerado concurso “público”.

Como nota-se, primeiro vem a nós e, depois para vocês. Com todo respeito por vocês, como diria o slogan do prefeito Waldemir.

Com a exoneração e ao assumir o cargo temporariamente por até 30 dias, Aracelis Góis Morales já garante a ocupação oficial do cargo que o “concurso público” lhe conferiu. Logo após vencido este prazo, ela deverá ser renomeada para voltar à pasta da qual é titular.

É que concurso público tem prazo de validade (2 anos) após sua realização. Passado este prazo se o prefeito entender que pode prorrogá-lo o faz, caso contrário, se neste ínterim seus aprovados não forem chamados para ocupar os respectivos postos, “caduca”.

Mas como demonstra a administração é harmoniosa e séria, preocupada com o bem estar do seu público interno. Ninguém do grupo vai ser prejudicado por um esquecimento de convocação para ocupação dos seus postos.