ANUNCIE AQUI!
21/02/2015

“Fiquei surpreso quando fui indicado para assumir a Secretaria de Obras. Eu já havia sido sondado pelo vereador Ribeirão e pelo Gustavo Gaspar”, frase de Danilo Aguillar Filho

Danilo

Além de proferir uma frase que é voz corrente nas ruas de Tupã, de que o ex-presidente da Câmara, Antônio Alves de Sousa, “Ribeirão” (PP) e o filho do prefeito Manoel Gaspar (PMDB) interferem na Administração, o secretário de Obras e Infraestrutura, Danilo Aguillar Filho (PSB) aproveitou a tribuna da Câmara durante prestação de contas feita pelo Executivo na noite desta sexta-feira (20) para reclamar. Reclamou que a frota de veículos pesados com a qual faz serviços em obras de infraestrutura no município está sucateada e alguns veículos com motor fundindo.

Segundo ainda o secretário, trabalhar sem equipamentos e funcionários, tem feito dele um herói. A cada frase iniciada durante o discurso, Gaspar imaginava “e agora, o que vem pela frente”. Acostumado a fazer uso da palavra como vereador, Danilo parecia bem à vontade e convicto daquilo que estava dizendo. Com a ida de Danilo para a Secretaria de Obras, abriu espaço para o suplente Reginaldo Lima Rodrigues, “Caveira” (PP) assumir uma cadeira no Legislativo. A substituição tornou Ribeirão mais forte na Câmara. O partido que ele preside passou a contar com dois representantes.

A prestação de contas do secretário causou constrangimento no prefeito Manoel Gaspar e em parte do staff do Governo que foi prestigiar a audiência pública de prestação de contas dos anos de 2013, 2014 e parte de 2015. Depois de apresentações técnicas dos secretários Dorival Jerônimo Coquemala (Administração e Finanças), Marcos Leite (Educação) e Rosangela Urel Gaspar (Saúde), Danilo destoou, mas também falou a verdade. Prestação de contas é isso mesmo. Também é oportunidade para lavar a roupa suja e confirmar fatos divulgados pelo blog.