ANUNCIE AQUI!
06/07/2015

Circular: no primeiro dia, nova empresa atua com frota reduzida em Tupã

A nova empresa circular começou a operar em Tupã a partir desta segunda-feira (6), mas a reportagem só encontrou este ônibus nesta foto de divulgação.

circular nova

A TDR Transportes de Cotia ainda não possui uma garagem em Tupã, mas terá prazo de seis meses para arrumar um local que servirá também de escritório. Nesta manhã de segunda-feira, a reportagem percorreu alguns pontos de ônibus de Tupã e não encontrou nenhum coletivo da empresa, fato confirmado pelo secretário de Finanças, Dorival Jerônimo Coquemala.

Por telefone Coquemala manteve contato com o secretário de Segurança e Trânsito, José Romero Sobrinho, Riti. Ele explicou que dos cinco ônibus da empresa TDR que deveriam ter chegado ontem (5) apenas dois estariam no município, mas que nas próximas horas, os outros iriam ser providenciados.

Quatro coletivos devem operar imediatamente e um quinto ônibus ficará de reserva para qualquer eventualidade. Com o subsídio de R$ 50 mil mensal, a nova tarifa custará R$ 2,20. Esse valor também valerá para os distritos de Parnaso, Universo e, inclusive, Varpa que fica distante do centro urbano cerca de 30 quilômetros.

O contrato com a empresa terá duração de 10 anos. Os ônibus deverão contar com acessibilidade para atender as necessidades dos deficientes físicos que se utilizam do transporte.

De acordo com o secretário de Administração, Archimedes Peres Botan, a empresa TDR Transportes assumiu os serviços do transporte coletivo urbano a partir da desistência da empresa de Pompéia que venceu a licitação prometendo tarifa a R$ 1,50, mas sequer tinha condições de realizá-lo mesmo com o valor da tarifa a R$ 2,60 e mais subsídio. Além disso, a segunda colocada também não possuía documentação regular e, portanto, a TDR foi classificada dentro do mesmo processo licitatório.