ANUNCIE AQUI!
26/10/2017

Rudynei comunica presidente da Câmara sobre renúncia

Oficialmente ainda não protocolou nenhum documento, mas foi  autor de pedido em nome de Ribeirão.

Rudynei finaliza troca de assessoria por cadeira na Câmara para Ribeirão. Deputado federal Guilherme Mussi ajudou articular a renúncia

Rudynei finaliza troca de cadeira na Câmara para Ribeirão, por assessoria ao PP. Deputado federal Guilherme Mussi ajudou articular a renúncia

O presidente da Câmara de Tupã, Valter Moreno Panhossi (DEM) confirmou nesta quarta-feira (25), que o vereador e pastor Rudynei Monteiro (PP) o comunicou de forma extraoficial sobre sua saída do Legislativo tupãense.

Apesar de não ter protocolado nenhum documento nas últimas horas, é possível que isso aconteça até a próxima segunda-feira (30). A propósito, na terça-feira (24) o pastor Rudynei Monteiro viajou mais uma vez. Segundo a Câmara de Tupã teria ido para São Paulo.

É exatamente para São Paulo que Rudynei deverá se transferir a partir de novembro para assessorar o PP- Partido Progressista. A renúncia do parlamentar é uma das exigências de Ribeirão para proporcionar-lhe a realização de seu sonho profissional. Segundo Ribeirão, “Rudynei vai estar mais próximo do poder”.

 

GABINETE  

O gabinete ocupado por Rudynei deverá ser destinado ao pastor Castilho

O gabinete ocupado por Rudynei deverá ser destinado ao pastor Castilho. Ribeirão queria preferência

Foi através de Rudynei Monteiro que chegou a proposta ao presidente da Câmara para ceder seu gabinete ao Ribeirão. Mas, mesmo antes da posse o agente político já se “apoderou” da sala tornando o ambiente uma extensão da assessoria que destinava em Brasília, ao deputado federal Guilherme Mussi (PP).

Valter Moreno explicou que seguirá uma ordem de precedência. Ou seja, os melhores gabinetes ficarão com os parlamentares reeleitos. Na ausência destes, os eleitos terão prioridade sobre os suplentes, como é o caso de Ribeirão. Ou seja, pela ordem, o pastor Osmídio Fonseca Castilho (PSB) deverá ocupar o local.

Leia também: Exclusivo: Ribeirão pode retornar à Câmara em outubro, após renúncia de Pastor Rudynei