ANUNCIE AQUI!
14/12/2017

LATROCÍNIO: Pastor é torturado e esfaqueado até a morte

O corpo foi encontrado na madrugada e os autores do crime estão presos.

A solidariedade o levou para uma emboscada. Como conhecia seus algozes seria morto de qualquer forma

Foto: Redes sociais – A solidariedade o levou para uma emboscada. Como conhecia seus algozes seria morto de qualquer forma

O pastor Hermelindo Cláudio Ferreira, 64 anos, da igreja Batista de Iacri, foi encontrado morto a facadas nas proximidades da fazenda Jatobá, saída para Tupã. O veículo que ele dirigia foi localizado capotado na vicinal Iacri/Bastos – proximidades da granja Nagano.

No momento da localização do veículo Astra, cor prata, os policiais encontraram documentos e carteira do pastor e um celular pertencente a um sujeito identificado por Evaldo.

Evaldo é conhecido nos meios policiais e já cumpriu pena pela pratica de delitos. Fotos dele no celular o denunciaram. O aparelho também está em nome do acusado. Detido nesta manhã, em sua casa, em Iacri, confessou a autoria do latrocínio e entregou dois comparsas – um outro de Iacri e um terceiro de Bastos ou Osvaldo Cruz.

Não há informação se o terceiro acusado foi preso ou não. A polícia segue com as diligências.

A TRAMA

Evaldo prestou serviços como pintor à igreja Batista de Iacri, conhecia o pastor e armou uma trama para praticar o roubo. Foi até a residência do pastor por volta de meia noite e o chamou, contando que a espoa ou filha estaria internada em um dos hospitais em Tupã e precisava fazer uma visita de urgência. A suposta paciente estaria entubada.

Prestativo na comunidade, o pastor Hermelindo comunicou o fato à esposa, vestiu uma camiseta e saiu para dar carona ao indivíduo. Possivelmente, os outros dois sujeitos entraram no veículo durante o trajeto.

Dominado, os meliantes anunciaram o crime. Levaram o pastor para um local ermo e começaram a torturá-lo. Acredita-se que os indivíduos imaginavam que existisse algum recurso financeiro na igreja, mas diante da possível negativa do religioso resolveram matá-lo temendo serem identificados.

Foram vários os goles de faca no peito e na altura do pescoço. Em seguida, os criminosos fugiram com o veículo até o local onde capotaram – na vicinal Iacri/Bastos. Quando a polícia chegou no local do capotamento encontrou o carro com três portas abertas – indício de que eram três os marginais que ocuparam o veículo.

O crime choca a população de Iacri pela violência empregada e as circunstâncias de como tudo aconteceu. No período da tarde, a polícia deverá fornecer mais detalhes sobre o crime e prisão dos envolvidos.