ANUNCIE AQUI!
10/12/2018

Tiago Matias pode se juntar aos denunciantes para derrotar Valter Moreno

O parlamentar foi afastado por duas vezes da Câmara, após denúncia de Paulo Henrique Andrade e Charles dos Passos, sobre suposto esquema ilícito de taxar salário de ex-assessor.

2017-10-09-23-22-19PH 3Charles P

O vereador Tiago Munhoz Matias (PRP) retornou à Câmara de Tupã, na última quinta-feira, dia 6, em atendimento à decisão judicial, oriunda de mandado de segurança obtido junto ao Tribunal de Justiça de São Paulo (TJ-SP), que por duas vezes o reconduziu às suas funções legislativas.

O parlamentar foi afastado por ordem da Justiça local, para evitar eventuais prejuízos à instrução processual que apura crimes de corrupção passiva e improbidade administrativa.

Apesar da denúncia ter partido dos vereador Paulo Henrique Andrade (PPS) e Charles dos Passos (PSB), Matias parece ter se aliado aos seus opositores nas eleições da mesa diretora da Câmara que acontecem amanhã, dia 11, às 20 horas, durante sessão extraordinária.

Em reunião secreta no fim de semana, Matias aparece em suposta relação de vereadores que pretendem eleger o pastor Eliézer de Carvalho (PSDB) à presidência do Legislativo.

Além dele, Paulo Henrique Andrade, Charles dos Passos, Antônio Alves de Sousa, “Ribeirão” (PP), Telma Tulim (PSDB), Augusto Fresneda Torres, “Ninha” (MDB), e Eduardo Akira Edamitsu, “Shiguero” (PSD).

Valter não

Do outro lado ficariam o atual presidente Valter Moreno, Renan Pontelli (PSB), pastor e cabo Osmídio Fonseca Castilho (PSB), Antonio Carlos Meireles (PV), Gilberto Capitão Neves Cruz (PV) e Alexandre Scombatti (PR).

Já Amauri Sérgio Mortágua, também do PR, que votou contra o projeto da reeleição, por coerência não apoiaria a candidatura de Valter Moreno, e pode abster-se. Assim, se mantiver esse panorama, a oposição venceria a eleição para a escolha da mesa diretora para o biênio 2019/2020, por 8 x 6.

Em tese, nada impede que Mortágua vote em Eliézer e ou Charles para presidente. É possível que teria dificuldade apenas para votar em ribeirão.

MESA DIRETORA

De acordo com o encontro ocorrido neste fim de semana, a nova mesa diretora do Legislativo ficaria da seguinte forma: Presidente pastor Eliézer de Carvalho, Charles dos Passos (1º secretário) e Eduardo “Shiguero” (2º secretário). Já Ribeirão ficaria outra vez com a coordenação da TV Câmara.

Diante dessa possibilidade, não dá para vislumbrar onde estaria a base “aliada” do prefeito. Ele que não possui nem a maioria simples teria sua sustentação ainda mais dividida após essas eleições legislativas.