ANUNCIE AQUI!
08/02/2019

Ninho do Urubu: Atleta tupãense escapa da tragédia

O garoto Rafael Oliveira, 13 anos, dormia numa residência na hora do fato. O sinistro deixou um rastro de destruição, dez mortos e três feridos.

A promessa do futebol brasileiro Rafael Oliveira ao lado do consagrado Gabigol

Promessa do futebol brasileiro Rafael Oliveira ao lado de Gabigol

O jogador tupãense, Rafael da categoria de base do Flamengo manteve contato com a família para dizer que “tudo está bem”.

Ao saber da notícia do incêndio, familiares e amigos ficaram desesperados com a tragédia que abalou o mundo esportivo na manhã desta sexta-feira (8).

De acordo com informações de amigos, o empresário do atleta também ratificou a informação. Rafael não dormia no local atingido pelo fogo. Ele pernoitou numa residência, e não no CT.

O padastro do jogador, Maicom Rodrigues disse que ele está nas divisões de base do Flamengo há um ano, depois de passar pelo Atlético-PR e ser descoberto pelo time da Gávea. “A semana passada ele esteve aqui e retornou para o Rio, já no dia 28, por causa do carnaval, ele deve retornar à cidade”.

Segundo a família de Rafael, assim que soube do ocorrido houve grande preocupação. “Sempre que ligamos, ele atende rápido e, hoje, não atendia. Ficamos preocupados, mas logo tivemos boas notícias”, disse aliviado Rodrigues.

Um incêndio na área antiga do Centro de Treinamentos do Flamengo, o Ninho do Urubu, deixou 10 mortos durante a madrugada e três feridos.

De acordo com o Corpo de Bombeiros, todos tinham entre 14 e 17 anos. Ainda não há informação oficial sobre o que ocasionou o incêndio.

Leia também: “Santa Maria”: Justiça cancela eventos carnavalescos no Tênis e em boate por falta do AVCB

Ninho do Urubu 1