ANUNCIE AQUI!
18/05/2020

VOTO REAL: Virtual também é a ajuda da Câmara durante a pandemia

O Legislativo tupãense retorna hoje (18), as atividades administrativas normais, porém, segue mantendo o distanciamento social. De fato, é grande o distanciamento de nossos parlamentares com os problemas da vida real. Real mesmo, só o seu voto em outubro.

Foto: Reprodução/ tupãense

Foto: Reprodução/ tupãense

Virtual não é apenas a forma encontrada pela casa para seguir com as sessões da Câmara neste período de pandemia. É virtual também a ajuda que se espera em tempos de covid-19.

Enquanto o prefeito Caio Aoqui e seus secretários estão colaborando com a situação, cortando na própria carne 40% e 20% respectivamente de seus salários durante dois meses , a recíproca não é verdadeira por parte de nossos edis.

Desde o dia 23 de abril, quando mantivemos contato com a assessoria da presidência da Câmara sobre a possibilidade de contribuição, quase um mês depois, os legisladores seguem insensíveis. Para eles, os subsídios são indivisíveis.

Num primeiro momento houve até um esboço por parte de alguns vereadores, mas outros costumam dizer “deixa esse negócio de rede social pra lá, logo o pessoal esquece”.

Não dá para esquecer quando todos os dias lembramos das agruras que a sociedade tem passado por conta da pandemia.

É momento de colaborar, de doação, ainda que em ano eleitoral, e que possa parecer um ato dissimulado com segundas intenções.

De uma forma ou de outra, os verdadeiros sentimentos serão sempre externados no dia 4 de outubro. De um lado, o candidato querendo o seu voto, e você eleitor poderá mostrar no voto virtual o seu real descontentamento com esse círculo vicioso.