ANUNCIE AQUI!
13/11/2011

Justiça cancela concursos sob suspeitas de fraudes em Tupã

A decisão do juiz Emilio Gimenez Filho deve ser publicada nesta quarta-feira (16) A prova que faltava e o Caso Eliza Samúdio A decisão da Justiça de cancelar os concursos sob suspeitas realizados pela Prefeitura de Tupã, através Equipe Assessoria e Consultoria garante o direito de corrigir uma fraude que lesou mais de 1.200 pessoas. O prefeito Waldemir Gonçalves Lopes e seus secretários, Adriano Rogério Rigoldi (Governo) e Willian Manfré (Administração) perderam a oportunidade de cancelar sem provocar maior constrangimento à combalida imagem da administração. Também demonstra que tudo o que foi publicado aqui, e ratifica a denúncia feita pelo Blog junto ao Ministério Público que também entrou com ação contra o resultado do famigerado processo. Demonstra ainda aos vereadores, com exceção de Valdemar Manzano Moreno (PDT) que é possível encontrar provas sim. Uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) tem poder de Polícia, de diligenciar e obter testemunhos e pedir a prisão de malfeitores. Esse concurso realizado dia 2 de outubro é apenas a ponta de um esquema que petrificou-se dentro da atual administração e coincidentemente envolve as mesmas pessoas. Em busca de resultados, explicações, gabaritos e provas das provas, dezenas de candidatos de outros concursos iam às portas das repartições correspondentes e, quando exaltadas, eram ameaçadas. “Eu vou chamar a Polícia”, como se o ...

Continue lendo esta notícia
Postado por: jota 29 Comentários Categorias: Corrupção
20/09/2011

TV Tem faz reportagem sobre vereador e motorista do prefeito

"Valdir Bagaço” se diz perseguido por fantasmas Na edição desta noite (20) no noticiário da TV Tem o vereador e motorista Valdir de Oliveira Mendes, "Valdir Bagaço" (PDT) foi destaque. A reportagem mostrou o que o Blog vem revelando há quatro meses sobre a situação do parlamentar e motorista do prefeito Waldemir Gonçalves Lopes (PSDB). Em nome do Executivo falou o secretário de Governo, Adriano Rogério Rigoldi (PSDB). Era ele quem deveria fiscalizar o ponto do funcionário e não o fez deixando a cargo do próprio motorista e de seu assessor na Câmara Municipal. Segundo Rigoldi, não há documentos que comprovem a atuação de Valdir Bagaço como motorista por que a convocação era feita por telefone. Óbvio, para serviços no âmbito do município não é necessário nenhum registro, apenas para viagens intermunicipais e interestaduais. Mesmo no âmbito do município, em caso de ter que abastecer o veículo tem que haver registro de quem o fez no Almoxarifado da Prefeitura. Há não ser que o abastecimento tenha sido feito na calada da noite, como foi abastecida a piscina do delegado Seccional. Neste caso, não houve registro nem de saída e nem do destino do caminhão pipa com 12 mil litros de água. O mais impressionante, foi o delegado pagar água por terra. Então não é ...

Continue lendo esta notícia
Postado por: jota 0 comentário Categorias: Corrupção
15/09/2011

Exclusivo: dinheiro sem origem pode determinar Inelegibilidade de Waldemir e Donadelli

Ao que parece contas públicas não são o forte da administração Waldemir e César Donadelli. Todas as contas apreciadas pelo Tribunal de Contas do Estado (TCE) foram rejeitadas e ajeitadas pela Câmara Municipal. Assim como as contas da Prefeitura, Waldemir e Donadelli não conseguiram provar a origem do dinheiro recebido em suposta forma de doação para a campanha da reeleição, segundo parecer da Procuradoria Geral Eleitoral. Depois de quase um ano com processo parado na Casa, o recurso especial impetrado por Waldemir Gonçalves Lopes caminhou nesta semana e foi encaminhado ao ministro Marco Aurélio. A vice-Procuradora Geral Eleitoral, Sandra Cureau, manifestou no último dia 12, em Brasília, pelo desprovimento do recurso especial e ratificou entendimento da Justiça Eleitoral de Tupã e do Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo (TRE). De acordo com o documento, referente à prestação de contas das eleições 2008, não houve comprovação da origem de dinheiro depositado em conta bancária. A irregularidade é insanável, conforme Resolução do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Num processo de prestação de contas que possui caráter formal, despacha a Procuradoria, “deve ser realizado em estrita obediência aos ditames legais específicos”. O TER desaprovou as contas apresentadas pela Coligação Waldemir/Donadelli, em virtude de depósitos em dinheiro sem identificação dos doadores, violando os artigos 5º e 19, II, da Constituição Federal, ...

Continue lendo esta notícia
Postado por: jota 0 comentário Categorias: Corrupção
13/09/2011

Tribunal de Contas classifica como desvio, água usada para abastecer piscina de delegado

Ao contrário do entendimento do promotor de Justiça José Luiz Lopes Valverde, o Tribunal de Contas apontou irregularidade no fornecimento de quase 12 mil litros de água para encher a piscina do delegado Seccional, Luiz Antonio Hauy. A decisão foi publicada no Diário Oficial do Estado. A denuncia havia sido feita ao Ministério Público, através de reportagem de Jota Neves, e um dos promotores solicitou que o fato fosse encaminhado em 2007 para o órgão, o que acabou sendo feito. Mas o promotor José Luiz Lopes Valverde, sorteado para trabalhar no caso, indeferiu o pedido de investigação apesar de todas as provas documentais, inclusive, apontando que não havia sido feito pagamento pela água. Também foi observado ao promotor que o pagamento seria feito depois da denúncia como forma de macular a verdade dos fatos, mas o Ministério Público ignorou e usou a Lei Orgânica do Município para indeferir o pedido feito pelo repórter. Mas, Jota Neves recorreu ao Conselho do Ministério Público e também usou a mesma Lei Orgânica do Município para apontar as incoerências no indeferimento do Ministério Público. Uma delas era de que esse tipo de serviço não era prestado a nenhum cidadão que, por exemplo, tivesse o fornecimento de água interrompido pela Sabesp. Ninguém poderia solicitar a municipalidade que a prefeitura enchesse ...

Continue lendo esta notícia
Postado por: jota 0 comentário Categorias: Corrupção
14/08/2011

Rota caipira da corrupção: PAC pode ter acelerado desvio de verba também no interior

A Revista Veja desta segunda-feira (15) deve trazer matéria de capa sob o título A Praga da Corrupção. Faz alusão às denúncias contra o Ministério da Agricultura, entre outros, também sob suspeita. Toda essa corrupção que se têm notícias nos dias de hoje, num volume muito maior que em outros governos tem uma explicação: foi institucionalizada no governo de Luiz Inácio Lula da Silva (PT) em nome da governabilidade. A sucessora de Lula, a presidente Dilma Rousseff sabe disso e exatamente por ter ficado com a herança maldita sofre para combatê-la sem agredir o seu criador. Lula já advertiu que, “a companheira vai ficar sem base aliada se levar a fogo e ferro”, eliminando pela raiz o cancro que infesta o Poder Central, a começar pelo PR que comandava o Ministério dos Transportes. O pior de tudo é que tal lá (Brasília) como aqui (interior) a situação não é diferente. Não é à toa que, candidatos a deputados estaduais e federais do PT tiveram votações expressivas nas últimas eleições. Por trás dessa expressiva votação no interior houve um grande trabalho de lobistas. Claro, há de se levar em conta também que iriam ou estariam representando o governo federal. Mas não é só isso. Esses indivíduos acusados de enriquecimento acima dos padrões normais, como Palocci e outros, ...

Continue lendo esta notícia
Postado por: jota 0 comentário Categorias: Corrupção
13/08/2011

Waldemir começa nomear secretárias “aprovadas” em concurso para garantir futuro emprego

Muitas pessoas teriam sido surpreendidas com publicação feita pelo prefeito de Tupã, Waldemir Gonçalves Lopes (PSDB), exonerando a secretária de Cultura e Turismo, Aracelis Góis Morales e no mesmo ato, nomeando-a para ocupação do cargo de turismóloga. Neste caso, a exoneração se faz necessária para ocupação de um cargo a qual a secretária foi “aprovada” em primeiro lugar. Fato este que teria sido questionado até junto ao Ministério Público de Tupã. Mas este não teria sido caso único nos dois poderes constituídos do município. Assim como na Câmara, uma candidata protegida do ex-presidente Antonio Alves de Souza, “Ribeirão” (PP), passou também num concurso em primeiro lugar. A secretária da Educação também foi muito bem. As duas secretárias já têm garantido os próximos empregos na administração pública por tempo indeterminado. Não estou questionando a capacidade das duas, ao contrário e também é um “direito” que lhes assiste, mas, assim como mulheres públicas, deveriam ter dado oportunidade de igualdade aos demais participantes do famigerado concurso “público”. Como nota-se, primeiro vem a nós e, depois para vocês. Com todo respeito por vocês, como diria o slogan do prefeito Waldemir. Com a exoneração e ao assumir o cargo temporariamente por até 30 dias, Aracelis Góis Morales já garante a ocupação oficial do cargo que o “concurso público” lhe conferiu. ...

Continue lendo esta notícia
Postado por: jota 5 Comentários Categorias: Corrupção
10/08/2011

A bandeira era o contraste no velório dos mortos da tragédia em Tupã

O tenente Martins que passou rapidamente por Tupã até ser importunado pelo trabalho que realizava na interação entre a comunidade e o serviço policial, definia bem esta situação. “Você é do bem ou do mal?”, perguntava o militar. Esta é a bandeira. Este era o contraste nos velórios dos jovens mortos nos confrontos policiais e o do policial, na tentativa de roubo frustrada - a bandeira. Qual bandeira você defende? Não me refiro apenas a uma analogia entre bandido envolvido nos crimes de furto, roubos, latrocínios e homicídios e “mocinhos” que vemos em ficção e na vida real, mas também a políticos e tantos outros profissionais liberais que se enveredam pelo mundo do descaminho e da corrupção. Há também aqueles que são exemplos de prestação de serviços à comunidade, seja na vida pública ou particular. Qual bandeira você defende? Enquanto a família dos dois jovens sentia a dor da perda, tanto quanto ou mais a família do policial também lamentava o ocorrido e consternada tentava entender o sinistro. Duas bandeiras tremulavam em sinal de luto, a meio mastro. Enquanto na Câmara era velado o policial civil, mil metros distante dali era velado um dos rapazes e mais adiante, já no Velório Municipal, o segundo acusado do crime de tentativa de roubo. A consternação era a mesma ...

Continue lendo esta notícia
Postado por: jota 8 Comentários Categorias: Corrupção
10/08/2011

Acesso à violência: roubos, latrocínios e 12 estupros

Momentos antes da tentativa de roubo frustrada, do tiroteio e mortes no centro de Tupã, a reportagem do Blog se preparava para editar um comentário sobre a onda de violência que assola a cidade. O assunto seria a falta de transparência da Polícia em relação aos casos de crimes sexuais. Foi através da Secretaria de Segurança Pública que a imprensa tomou conhecimento sobre os primeiros 8 casos de estupros em Tupã. Agora já são 12. A última vítima teria sido uma criança de 6 anos, atacada por alguém próximo que, descoberto por moradores da zona Sul, foi linchado e está internado na Santa Casa de Misericórdia. De repente, a população era surpreendida com sirenas abertas, tiroteio, fuga cinematográfica, sangue e mortes. Enquanto a reportagem tentava encontrar o segundo morto na ação da Polícia, tomava conhecimento do crime sexual e do linchamento. O acesso à violência pela divulgação e cobertura dos meios de comunicação chama a atenção pelo interesse que internautas, ouvintes e telespectadores demonstram pelo tema. Não podia ser diferente, afinal, um dos temas mais concorridos às vésperas de eleições e no cotidiano do cidadão são justamente assuntos que dominam os debates: violência, saúde e educação. O blog bateu todos os recordes de acessos e busca incessante pelo fato. O fato é que os mais ...

Continue lendo esta notícia
Postado por: jota 0 comentário Categorias: Corrupção
19/07/2011

Waldemir diz que o povo tem o governo que merece e vê ingratidão do eleitor

Depois de ser eleito, reeleito e, agora tentar fazer o sucessor, o prefeito Waldemir Gonçalves Lopes (PSDB) deu mais uma declaração descabida, “cada povo tem o governo que merece”, desabafou. Em seguida emendou, depois de mais uma vez criticar a omissão da Câmara, “às vezes chego a pensar se valeu à pena tanto sacrifício meu para administrar o município”. É como se quisesse dizer que o eleitor é ingrato. As palavras ditas pelo prefeito soam prepotência e arrogância. O discurso foi na tentativa de analisar o questionamento do vereador Valdemar Manzano (PPS) que garantiu não dar um cheque em branco para o vereador Antonio Alves de Sousa, “Ribeirão” (PP), sobre as alterações na Lei do Prodet - Programa de Desenvolvimento de Tupã, reformada para conceder mais incentivos a possíveis empreendedores que queiram se instalar em Tupã. Porém, Waldemir não disse que era sobre isso e, em seguida criticou a Câmara que não fiscaliza e apenas estaria discutindo partidariamente a questão da Lei de incentivos. Mas isso não é novidade nenhuma. Tornou-se um circulo vicioso no Legislativo em que tudo que se aprova tem algum interesse obscuro por trás e, quando não aprova também tem. Haja vista a tentativa de intimidação feita por Danilo Aguilar Filho (PSB) e Augusto Fresneda Torres, “Ninha” (PSDB). Os dois apresentaram pareceres ...

Continue lendo esta notícia
Postado por: jota 0 comentário Categorias: Corrupção
06/07/2011

Jota Neves vai morrer!?

Jota Neves vai “morrer”, de novo!? Mas de novo por quê? Nunca morri! Já me “mataram” várias vezes, entretanto, continuo vivo! Não deve ser fácil matar alguém, apesar de não ser difícil de morrer. Mas não faltam más intenções como estas. O que acontece é que, possíveis políticos descontentes com as notícias sobre os fatos publicados neste Blog tentam por todos os meios encontrar uma forma “diferente” daquela que cada um que se sente prejudicado deveria segui-la. As barras da Justiça. Ao invés disso, tramam. Em nenhum momento a partir da criação deste espaço houve a intenção de agradar a quem quer que seja. Muito menos desagradar a ninguém. Desde que os fatos não permitissem qualquer análise mais apurada e, às vezes, até contundente por parte do colunista. A trama na obscuridade dos fatos nos faz lembrar os porões da ditadura. Como não nos intimidamos - pensam eles - “o que faremos?”. O que fazer? Simples. Nada. Mas não sou ingênuo e sei que tramam. Tramam como ratos que infestam os esgotos e saem na calada da noite para roer. Assim como os fatos me chegam sobre as notícias que publico, sei de conversas paralelas em encontros fechados, nos corredores do “sub-mundo” da imoralidade política. E isso acontece de forma local e regional. Aliás, ...

Continue lendo esta notícia
Postado por: jota 3 Comentários Categorias: Corrupção