ANUNCIE AQUI!
02/02/2017

Marisa Letícia tem morte cerebral, e família autoriza doação de órgãos

Bruna Souza Cruz e Paula Bianchi Do UOL, em São Paulo e no Rio 02/02/201710h38 > Atualizada 02/02/201711h09 Leonardo Benassatto/Futura Press/Folhapress                                       A ex-primeira-dama e mulher do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, Marisa Letícia Lula da Silva, 66, teve morte cerebral nesta quinta-feira (2) em razão de complicações causadas por um AVC (Acidente Vascular Cerebral) hemorrágico. Lula e sua família autorizaram o procedimento de doação de órgãos após constatação de "ausência de fluxo cerebral". Em post no Facebook, o ex-presidente agradeceu às "manifestações de carinho e solidariedade". Marisa estava internada em estado grave no Hospital Sírio-Libanês, em São Paulo, desde 24 de janeiro. Ela chegou a apresentar uma ligeira melhora na terça-feira (31), e a sedação começou a ser reduzida. Como ela não reagiu bem, voltou a ser sedada. No dia anterior, os médicos haviam informado, em boletim médico, que a ex-primeira dama tinha tido "trombose venosa profunda" detectada nos membros inferiores. A equipe utilizou um filho de veia cava para impedir que coágulos se deslocassem para outras regiões do corpo. Além do filho de seu primeiro casamento, Marcos, adotado por Lula, Marisa deixa os filhos Fábio, Sandro, Luís Cláudio, a enteada Lurian (filha do ex-presidente com uma ex-namorada), e o marido, Luiz Inácio Lula da Silva. Os dois foram casados por 43 anos. Origem humilde Filha de agricultores de ...

Continue lendo esta notícia
Postado por: jota 0 comentário Categorias: Política
02/02/2017

Em delação premiada, Sandra Norbiato diz que é ‘testa de ferro’ de Camarinha e Vinícius

Em delação premiada à Procuradoria Geral da República, Sandra Mara Norbiato reconheceu que participou do esquema criminoso relacionado à fraude na titularidade do grupo CMN (Central Marília Notícias) como “testa de ferro” do deputado estadual Abelardo Camarinha (PSB) e do filho dele, o ex-prefeito Vinícius Camarinha (PSB). Em inquérito desenrolado pela Operação Miragem, que é mantido em sigilo, Sandra Norbiato diz ter sido indicada como “laranja”, assim como Marcelo Certain e Antônio Celso dos Santos, mediante remuneração, sem jamais ter participado da gestão das empresas, que, na verdade, era feita por Carlos Umberto Garrossino e José de Souza Júnior, aliados de Camarinha e Vinícius. Ontem (1º), Sandra Norbiato esteve na sede do Tribunal Regional Federal da 3ª Região, em São Paulo, para participar de audiência. Para conceder o termo de colaboração, como é denominada a delação premiada nos autos, a desembargadora federal Cecília Mello destaca que são levados em consideração elementos importantes como o fato de Sandra Norbiato não ter antecedentes penais e não ser a líder da organização criminosa. A Justiça Federal entendeu ainda que Sandra Norbiato teria se limitado a ceder o nome dela mediante remuneração e que, por necessidades financeiras, havia sido estimulada pelo ex-marido e pai dos filhos dela Antônio Celso dos Santos a participar do esquema criminoso. Também foi ...

Continue lendo esta notícia
Postado por: jota 0 comentário Categorias: Política
01/02/2017

STF decide pelo pagamento de 13º e férias a prefeitos e vices

O Plenário do Supremo Tribunal Federal concluiu nesta quarta-feira (1º) o julgamento do Recurso Extraordinário (RE) 650898, com repercussão geral reconhecida, no sentido de que o pagamento de abono de férias e 13º salário a prefeitos e vice-prefeitos não é incompatível com o artigo 39, parágrafo 4º, da Constituição da República. Por maioria, venceu o voto proposto pelo ministro Luís Roberto Barroso, que divergiu parcialmente do relator, ministro Marco Aurélio. O RE 65098 foi interposto pelo Município de Alecrim (RS) contra acórdão do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul (TJ-RS) que julgou inconstitucional a lei municipal (Lei 1.929/2008) que previa o pagamento de verba de representação, terço de férias e 13º aos ocupantes do Executivo local. Para o TJ, a norma feriria aquele dispositivo constitucional, que veda o acréscimo de qualquer gratificação, adicional, abono, prêmio, verba de remuneração ou outra parcela remuneratória aos subsídios dos detentores de mandatos eletivos. O julgamento foi retomado com o voto-vista do ministro Luiz Fux, que seguiu a divergência aberta, em fevereiro de 2016, pelo ministro Barroso. De acordo com a corrente divergente – seguida também pelos ministros Teori Zavascki, Rosa Weber, Dias Toffoli e Gilmar Mendes –, o terço de férias e o 13º são direitos de todos os trabalhadores, inclusive dos agentes políticos. A ...

Continue lendo esta notícia
Postado por: jota 0 comentário Categorias: Política
30/01/2017

30 dias: A liberdade, o porta voz de Trump e a doutora Jeane Rosin

Após 20 dias da “coletiva” da discórdia, o assunto segue pautando as discussões políticas sobre os erros e possíveis acertos da atual administração. Ao completar 30 dias de governo, Ricardo terá como missão amenizar o super ego de alguns técnicos. O que há em comum entre os discursos do deputado federal Evandro Gussi (PV), do porta-voz da Casa Branca, Sean Spicer e da secretária de Planejamento e Desenvolvimento Urbano de Tupã, Jeane Rosin? Talvez nada ou apenas as pretensões de dois dos personagens. Mas, nada em comum entre ambos e parte do discurso do parlamentar no dia da posse do prefeito, vice e vereadores. Ele discursou por mais de meia hora e discorreu sobre a importância da política na vida dos cidadãos, a missão de cada um dos empossados e sobre a necessidade de cuidar do jardim para atrair as livres borboletas. “Não devemos aprisioná-las em um quadro estático na parede”, enfatizou. Os discursos dos eleitos e empossados seguiram a mesma trajetória de humildade e união, nada comparado às declarações do porta-voz americano e da arquiteta tupãense - considerada uma grande paisagista justamente de praças e jardins que recebem as libertárias borboletas do discurso da posse. Spicer e Rosin mostraram como a imprensa deve conduzir suas matérias jornalísticas. Enquanto o primeiro portou a voz ...

Continue lendo esta notícia
Postado por: jota 0 comentário Categorias: Política
26/01/2017

Jornal Diário: contador ex-marido da “dona” da CMN está na cadeia e nega ameaça

Por: José Ursílio O contador Antônio Celso dos Santos está na Casa de Detenção de Marília a partir desta quarta-feira, 25. Ele foi preso em São Paulo e em depoimento na Delegacia de Marília da Polícia Federal negou que estivesse ameaçando de morte a sua ex-mulher, Sandra Mara Norbiato, que figura como a sócio administradora da CMN (Central Marília Notícias), que na realidade não passa de “laranja” ou “testa de ferro” do deputado estadual Abelardo Camarinha e do ex-prefeito Vinícius Camarinha. A Operação “Quinto Mandamento” executada na quarta-feira, dia 24, como segmento da Operação Miragem, deflagrada pela Polícia Federal por determinação do Tribunal Regional Federal da 3ª Região, além de cumprir os mandatos de busca e apreensão na sede da CMN também prendeu Antônio Celso dos Santos. O acusado prestou depoimento na sede da PF por mais de cinco horas e conforme informações em off, ele negou qualquer relacionamento de amizade com pessoas ligadas à CMN e ao jornal Diário de Marília, que foi lacrado ontem e teve suas atividades suspensas. Mas não foi isso que a PF tinha investigado e colhido provas que levaram à operação “Quinto Mandamento”. A situação é de tamanha gravidade que as ameaças já espelham até o nome escolhido pela operação, que diz “Não Matarás”. Antonio Celso dos Santos está ...

Continue lendo esta notícia
Postado por: jota 0 comentário Categorias: Política
12/01/2017

PSDB vê Waldemir fortalecido no governo Ricardo

A nomeação de Jeane Rosin para comandar uma das mais importantes Secretarias e a aparição de Aracelis são indícios desse raciocínio. O PSDB – Partido da Social Democracia Brasileira fez uma análise entre seus principais membros do Diretório de Tupã e concluiu: apesar de derrotado nas urnas em 2 de outubro, o ex-prefeito Waldemir Gonçalves Lopes (PSDB) deve sentir-se privilegiado com a aparição de duas de suas principais ex-secretárias – Jeane Aparecida Rombi de Godoy Rosin (PSDB) e Aracelis Góis Morales (PSD). Aracelis desfilhou-se do PSD – Partido Social Democrático em 2 de abril de 2016, às vésperas das eleições, após perder a sigla para o vice-prefeito Caio Aoqui. Jeane Rosin comandou de 2005/2012 a super Secretaria de Planejamento, Infraestrutura e Obras (SEPLIN) e retorna na administração de Ricardo Raymundo (PV) com a mesma força técnica de que de fato possui. Já não era admissível que com o conhecimento que possuía permitir a ingerência de Aracelis e Adriano Rigoldi sobre obras e engenheiros sob a responsabilidade da SEPLIN e muito menos agora, com os dois doutorados que possui. Ou será que não?! Jeane vai gerenciar Obras, Planejamento e Trânsito. As três pastas vão ser absolvidas pela “super secretaria” de Desenvolvimento Urbano após aprovação da Câmara, no retorno ao trabalho de sessões ordinárias, no dia 6 ...

Continue lendo esta notícia
Postado por: jota 0 comentário Categorias: Política
11/01/2017

RELAÇÕES ESTREMECIDAS: Câmara pode convocar Jeane para dar explicações sobre irregularidades

A secretária comandou a pasta responsável pelas obras da administração Waldemir que estão sob suspeita. Ela garantiu que voltou à administração para "passar a limpo" esta questão. As declarações da secretária de Planejamento e Desenvolvimento Urbano de Tupã, Jeane Aparecida Rombi de Godoy Rosin deixaram as relações estremecidas entre executivo e o presidente da Câmara, Valter Moreno Panhossi (DEM). Ouça a entrevista clicando sobre JEANE ROSIN Ele confirmou na noite de ontem (10) ao blog de que após o recesso, a Mesa Diretora da Câmara pode convocar a secretária para dar explicações sobre as 33 obras com fortes indícios de irregularidades deixadas pela administração de Waldemir Gonçalves Lopes (PSDB). Jeane Rosin comandou a Secretaria de Planejamento e Obras e teria abdicado do direito de fiscalizar muitas das obras investigadas pela CPE – Comissão Parlamentar Especial para não confrontar com as decisões de ex-secretários - o lobista Walter Bonaldo Filho (Economia e Finanças), Adriano Rogério Rigoldi (Governo) e de sua esposa Aracelis Góis Morales (Cultura e Turismo). De acordo com Valter Moreno, existem várias irregularidades apontadas no relatório que foi encaminhado ao Ministério Público. O documento foi acatado e deverá ter uma destinação relacionada a investigação para confirmar ou não a materialização de eventual dolo ou se tudo aconteceu de fato por mero engano. Diante das declarações ...

Continue lendo esta notícia
Postado por: jota 0 comentário Categorias: Política
11/01/2017

Deputado aliado a Ribeirão corre risco de cassação por faltar ao trabalho

Guilherme Mussi recebeu 1.625 votos em Tupã e foi o segundo candidato a deputado federal mais votado no município. O apoio do ex-vereador Antônio Alves de Sousa, "Ribeirão" (PP) lhe rendeu o cargo de coordenador regional do PP - Partido Progressista  Deputado estoura limite de faltas na Câmara e corre risco de cassação Ex-genro de Silvio Santos, faltou a 38% das sessões realizadas pela Câmara em 2016 sem justificar. Pela Constituição, parlamentar que tem mais de 33% de ausências não explicadas está sujeito à perda do mandato POR JOELMA PEREIRA Mussi é o campeão de faltas não justificadas na Câmara O deputado Guilherme Mussi (PP-SP) precisa se justificar. Aos 34 anos, o presidente estadual do PP extrapolou o limite de faltas injustificadas na Câmara e está, em tese, sujeito a ter o mandato cassado. Genro do empresário e apresentador Silvio Santos até maio, Mussi deixou de comparecer à Casa 39 vezes nos 94 dias em que deveria ter registrado presença. Dessas ausências, 36 estão sem qualquer esclarecimento até o momento. A Constituição prevê que perderá o mandato o parlamentar que “deixar de comparecer, em cada sessão legislativa, à terça parte das sessões ordinárias da Casa a que pertencer, salvo licença ou missão por esta autorizada”. Mussi ultrapassou esse limite em 2016: teve 38% de ausências ...

Continue lendo esta notícia
Postado por: jota 0 comentário Categorias: Política
10/01/2017

Constrangimento: entrevista de secretária deixa Ricardo e Caio numa saia Justa

Jeane Aparecida Rombi de Godoy Rosin, responsável pela pasta de Planejamento e Desenvolvimento Urbano protagonizou uma situação embaraçosa ao defender obras da administração de Waldemir sob suspeita de irregularidades.  Foi de fato constrangedor para o prefeito Ricardo Raymundo (PV) e ao vice-prefeito Caio Aoqui (PSD) a primeira aparição da ex-secretária de Planejamento e Obras da administração de Waldemir Gonçalves Lopes (PSDB). Falando como atual secretária de Planejamento e Desenvolvimento Urbano, Jeane Rosin extrapolou ao justificar a crise financeira e estrutural pela qual passa a prefeitura e criticou abertamente a administração de Manoel Gaspar (PMDB) e a imprensa. Por outro lado, defendeu o ex-prefeito Waldemir. O ex-chefe do executivo está inelegível pela pratica de improbidade administrativa e responde processos por fraudes em licitação, concurso público e por ter deixado 33 obras irregulares e com fortes indícios de desvio de dinheiro público, conforme apurado pela Comissão Parlamentar Especial (CPE). Também entrou para a história como o primeiro prefeito a responder a uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI), por causa do escândalo do Espaço das Artes. Mas, para a ex-comandante da pasta mais importante do governo de Waldemir, “se existisse irregularidades o ex-prefeito já tinha sido preso”. As irregularidades apuradas pela CPE foram encaminhadas para o Ministério Público. Há apontamento de que os prejuízos aos contribuintes podem ...

Continue lendo esta notícia
Postado por: jota 0 comentário Categorias: Política
05/01/2017

Revista: empresa de publicidade de Tupã orçou em apenas R$ 30 mil

Gaspar optou por pagar quase 670% a mais pela impressão de 30 mil exemplares para “prestar contas” à população tupãense. Assim que o blog divulgou matéria informando de que o ex-prefeito de Tupã, Manoel Gaspar (PMDB) havia publicado 30 mil exemplares de uma revista ao custo possivelmente de R$ 230 mil – cada uma cerca de R$ 8,00, houve muito protesto nas redes sociais. Teve até internauta sugerindo que o material fosse usado para tampar os buracos das vias públicas. Além disso, um publicitário de uma das mais respeitadas agências de Tupã e região, comentou uma das postagens de que havia orçado à prefeitura a confecção da revista e sua impressão por apenas R$ 30 mil. Ou seja, cada uma custaria R$ 1,00 e não R$ 7,66 conforme sugere três empenhos feitos pela prefeitura em favor da agência Única Propaganda do Estado do Paraná. A empresa também foi contemplada só em dezembro com outros sete empenhos que ultrapassam a casa de MEIO MILHÃO DE REAIS. Todos deveriam ser quitados em dezembro – até o dia 30 com recurso repatriado pela Operação Lava Jato e dividido entre os municípios. Tupã recebeu cerca de R$ 1,4 milhão. Acontece que o dinheiro só foi depositado na conta da prefeitura na segunda-feira (2). Gaspar até desentendeu-se com o ...

Continue lendo esta notícia
Postado por: jota 0 comentário Categorias: Política