ANUNCIE AQUI!
27/09/2011

Jeane Rosin poderia ser a “Dilma” do Waldemir. Ela seria capaz de fazer uma faxina na administração

Convocada para prestar esclarecimentos no Legislativo a respeito de um abaixo assinado perpetrado por imobiliárias da cidade a favor de desmembramento de terrenos; a secretária de Obras e Planejamento da Prefeitura de Tupã, Jeane Rosin, deu um show. A participação da secretária foi até chamada de vídeo show pelo vereador Valdemar Manzano Moreno (PPS). A secretária discorreu com propriedade assuntos relacionados ao uso e ocupação do solo, discutidos na Agenda 21, sem nenhuma participação de agentes de imobiliárias que querem agora, alterar o que foi convencionado em audiências públicas e fez ressuscitar até o então calado vereador Antonio Alves de Sousa, “Ribeirão”. Técnica demais é verdade, mas Jeane Rosin deu o recado de forma didática; puxou a orelha de arquitetos e engenheiros invocando o juramento da categoria que estaria sendo quebrado pela falta de ética e explicitou uma das “técnicas” irregulares da Construtora Ramez Jardim, a construção de duas casas num único terreno, em detrimento à nova legislação. A pergunta que se faz: por que, o prefeito Waldemir Gonçalves Lopes não fiscaliza essa irregularidade. Esse é um fato. O outro é o seguinte: Jeane Rosin do Waldemir poderia ser a Dilma Rousseff do Lula. Ela é técnica? É verdade, mas sabe o que faz e faz melhor ...

Continue lendo esta notícia
Postado por: jota 0 comentário Categorias: Política
23/09/2011

STJ pode determinar cassação de Waldemir

Exclusivo: Luis Carlos Sanches pode assumir a Prefeitura e Ribeirão voltar à presidência da Câmara. O futuro político de Tupã pode estar nas mãos do ministro Marco Aurélio e a decisão pode sair a qualquer momento assim que o Supremo Tribunal de Justiça ratificar as irregularidades nas contas eleitorais do prefeito Waldemir Gonçalves Lopes (PSDB) e de seu vice, César Augusto Donadelli (ficha abonada de filiação no mesmo partido). Assim como a Justiça Eleitoral Local e estadual a vice-procuradora Eleitoral em Brasília, já indeferiu o recurso especial impetrado pleo chefe do Executivo tupãense. Isso aconteceu, uma vez que documentos da Caixa Econômica Federal comprovaram dinheiro sem origem na reeleição do prefeito de Tupã. O parecer da Procuradoria Geral Eleitoral de Brasília publicado no dia 12 pela procuradora, Sandra Cureau. A procuradora observou que os documentos apresentados só ratificaram o depósito sem especificar quem de fato fez a doação de campanha. 56 (cinqüenta e seis) depósitos em espécie foram arrecadados via conta bancária. O recurso impetrado pela defesa do prefeito não mereceu provimento, haja vista que os comprovantes de depósitos podem ter sido preenchidos sem de fato ter a identificação dos doadores. Assim, de acordo com entendimento do acórdão, a falha que serviu de fundamento à desaprovação da origem dos depósitos, conferida pelo gerente do ...

Continue lendo esta notícia
Postado por: jota 2 Comentários Categorias: Política
23/09/2011

Declaração de deputado da região foi denunciada no Blog envolvendo prefeitura de Tupã

Corrupção caipira: esquema denunciado por deputado da região de Araçatuba envolvendo verbas públicas estaduais é o mesmo denunciado pelo Blog, envolvendo verbas federais, empreiteiras e a prefeitura de Tupã. Declaração de Roquinho para a Folha da Região gera investigação do MPE e repercute na mídia nacional MÁRCIO BRACIOLI Sexta-Feira - 23/09/2011 - 10h52 Uma entrevista do deputado estadual biriguiense Roque Barbiere (PTB) para o programa Questão de Opinião, da Folha da Região, tornou-se alvo de investigação do Ministério Público Estadual. Na entrevista, Roquinho afirmou que "de 25% a 30% dos deputados vendem emendas, fazem lobby com prefeitura vendendo inclusive projetos educacionais ou trabalham pra empreiteira". E declarou ainda que, se um dia vier pedido para cassação deles, votaria a favor. A entrevista de Roquinho para a Folha e a investigação do MPE geraram grande repercussão no País, sendo manchete, inclusive, do jornal O Estado de São Paulo desta sexta-feira, que reproduziu trechos da fala do deputado na matéria. Além disso, a edição on-line do Estadão também publicou a matéria com o vídeo da entrevista incorporado. Leia a seguir, a matéria publicada aqui no Blog, no dia 14 de agosto, exatamente há 40 dias, sob o título "Rota caipira da corrupção": PAC pode ter acelerado desvio de verba também no interior. A reportagem do deputado estadual Roque ...

Continue lendo esta notícia
Postado por: jota 0 comentário Categorias: Política
23/09/2011

A mesma denúncia em âmbito federal e local não motivou nenhuma investigação do MP de Tupã

A corrupção e as emendas federais para Tupã A Revista Veja do dia 15 de agosto trouxe matéria de capa sob o título A Praga da Corrupção. Fazia alusão às denúncias contra o Ministério da Agricultura, entre outros, também sob suspeita. Toda essa corrupção que se têm notícias nos dias de hoje, num volume muito maior que em outros governos tem uma explicação: foi institucionalizada no governo de Luiz Inácio Lula da Silva (PT) em nome da governabilidade. A sucessora de Lula, a presidente Dilma Rousseff sabe disso e, exatamente por ter ficado com a herança maldita, sofre para combatê-la sem agredir o seu criador. Lula já advertiu que, “a companheira vai ficar sem base aliada se levar a fogo e ferro”, eliminando pela raiz o cancro que infesta o Poder Central, a começar pelo PR que comandava o Ministério dos Transportes. O pior de tudo é que tal lá (Brasília) como aqui (interior) a situação não é diferente. Não é à toa que, candidatos a deputados estaduais e federais do PT tiveram votações expressivas nas últimas eleições. Por trás dessa expressiva votação no interior houve um grande trabalho de lobistas. Claro, há de se levar em conta também que iriam ou estariam representando o governo federal. Mas não é só isso. Esses indivíduos acusados de ...

Continue lendo esta notícia
Postado por: jota 2 Comentários Categorias: Política
21/09/2011

Abaixo-assinado ao Governador pede intervenção sobre abuso de autoridade em multas de trânsito

Repercute na imprensa regional denúncia de cidadão inconformado com multa "fantasma" Através do seu advogado João Custódio, o cidadão Elias Alberto Garcia, morador da zona Leste encaminhou ao governador do Estado e deverá fazê-lo também ao procurador da República Jefferson Aparecido Dias, com o seguinte teor, a partir de uma baixo assinado: Os injustiçados cidadãos e cidadãs infra-assinados, residentes e domiciliados no Município de TUPÃ-SP, vêm, mui respeitosamente, com fulcro no art. 5º., XXXIV, ‘a’, da CF/88, e arts. 4º. e 111 da Constituição Estadual, e na Lei de Improbidade Administrativa, Lei 8.429, de 2.6.92, arts. 4º e 11, I e, II, representar a Vossa Excelência contra ilegalidades e abusos de poder na área de trânsito, por parte de agentes públicos municipais tupãenses, o prefeito VALDEMIR GONÇALVES LOPES, o qual não sabe se opor aos desmandos administrativos de seus ‘agentes de trânsito’ causando irreparáveis gravames à população tupãense. Como se pode perceber do incluso e avolumado rol de multas municipais de trânsito aplicadas abusivamente, aberrando do ‘devido processo legal’ e do direito de ampla defesa (CF/88, art. 5º., LIV-LV), por acicate dos citados irresponsáveis policiais aposentados, através de incitados ‘agentes de trânsito municipais’, em gritante indústria de multas, mas com manifesto objetivo torpe de aumentar ‘rendas municipais’ ...

Continue lendo esta notícia
Postado por: jota 8 Comentários Categorias: Política
20/09/2011

TV Tem faz reportagem sobre vereador e motorista do prefeito

"Valdir Bagaço” se diz perseguido por fantasmas Na edição desta noite (20) no noticiário da TV Tem o vereador e motorista Valdir de Oliveira Mendes, "Valdir Bagaço" (PDT) foi destaque. A reportagem mostrou o que o Blog vem revelando há quatro meses sobre a situação do parlamentar e motorista do prefeito Waldemir Gonçalves Lopes (PSDB). Em nome do Executivo falou o secretário de Governo, Adriano Rogério Rigoldi (PSDB). Era ele quem deveria fiscalizar o ponto do funcionário e não o fez deixando a cargo do próprio motorista e de seu assessor na Câmara Municipal. Segundo Rigoldi, não há documentos que comprovem a atuação de Valdir Bagaço como motorista por que a convocação era feita por telefone. Óbvio, para serviços no âmbito do município não é necessário nenhum registro, apenas para viagens intermunicipais e interestaduais. Mesmo no âmbito do município, em caso de ter que abastecer o veículo tem que haver registro de quem o fez no Almoxarifado da Prefeitura. Há não ser que o abastecimento tenha sido feito na calada da noite, como foi abastecida a piscina do delegado Seccional. Neste caso, não houve registro nem de saída e nem do destino do caminhão pipa com 12 mil litros de água. O mais impressionante, foi o delegado pagar água por terra. Então não é ...

Continue lendo esta notícia
Postado por: jota 0 comentário Categorias: Política
19/09/2011

Documentos da Caixa Federal comprovaram dinheiro sem origem na reeleição do prefeito de Tupã

O parecer da Procuradoria Geral Eleitoral de Brasília publicado no último dia 12, sobre o recurso impetrado pelo prefeito reeleito de Tupã, Waldemir Gonçalves Lopes e indeferido pela vice-procuradora, Sandra Cureau, revela outra faceta na tentativa descabida de justificar a origem do dinheiro depositado na conta eleitoral, através da Caixa Econômica Federal. Assim como Waldemir não conseguiu provar que o vereador e motorista Valdir de Oliveira Mendes, “Valdir Bagaço” trabalhava no Paço Municipal, também não conseguiu provar que o dinheiro de campanha tinha origem. Neste caso, específico a procuradora observa que os documentos apresentados só ratificaram o depósito sem especificar quem de fato fazia a doação de campanha. 56 (cinqüenta e seis) depósitos em espécie foram arrecadados via conta bancária. O recurso impetrado pela defesa do prefeito não mereceu provimento, haja vista que os comprovantes de depósitos podem ter sido preenchidos sem de fato a identificação dos doadores. Assim, de acordo com entendimento do acórdão, a falha que serviu de fundamento à desaprovação da origem dos depósitos conferida pelo gerente do banco, apenas confirma a autenticidade do documento, porém, insuficiente para esclarecer a origem dos recursos. A Procuradoria Geral Eleitoral verificou que o fato constitui-se irregularidade insanável, uma vez que compromete a lisura das contas apresentadas e impossibilita à Justiça Eleitoral o efeito controle ...

Continue lendo esta notícia
Postado por: jota 0 comentário Categorias: Política
17/09/2011

Corrupção: Crime Altamente Impopular!…

“A Imprensa é a artilharia do combate à corrupção” (Hans Dietrich Genscher) Na entrevista à apresentadora Patrícia Poeta, de domingo, 11-9, ‘Fantástico’ de domingo, reproduzida no dia seguinte pela Folha de S. Paulo e o Estado de S. Paulo, neste caso matéria assinada por Luciana Nunes Leal, a presidente Dilma Rousseff afirmou que não é refém da base aliada no Congresso Nacional muito menos compactua com a corrupção, embora considere ser difícil exterminar o problema. Tanto assim que ela revelou rejeitar o termo faxina, uma vez que seu uso pode transmitir a idéia de que a questão é simples, passageira. Realmente, é complexa: Sobretudo porque cresceu muito a partir do governo Collor, contribuindo para a quase formação de uma ‘cultura’ que rejeita as pessoas íntegras. São contraditoriamente vistas sob desconfiança, discriminadas. O comportamento que outrora era exceção tornou-se a regra; incrivelmente... Simples detectar: basta cotejar os bens dos que ocupam posições públicas com os seus rendimentos... A Controladoria-Geral da União não faz isso porque não quer!... Mas o desafio essencial não está na redução a zero dos parceiros do roubo. Isso ninguém conseguiu ao longo da história, nem conseguirá. Mas é plenamente exeqüível contê-lo e reduzi-lo. Pois no nível que atingiu devora verbas oficiais e com isso submerge o País na falta ...

Continue lendo esta notícia
Postado por: jota 0 comentário Categorias: Política
15/09/2011

Exclusivo: dinheiro sem origem pode determinar Inelegibilidade de Waldemir e Donadelli

Ao que parece contas públicas não são o forte da administração Waldemir e César Donadelli. Todas as contas apreciadas pelo Tribunal de Contas do Estado (TCE) foram rejeitadas e ajeitadas pela Câmara Municipal. Assim como as contas da Prefeitura, Waldemir e Donadelli não conseguiram provar a origem do dinheiro recebido em suposta forma de doação para a campanha da reeleição, segundo parecer da Procuradoria Geral Eleitoral. Depois de quase um ano com processo parado na Casa, o recurso especial impetrado por Waldemir Gonçalves Lopes caminhou nesta semana e foi encaminhado ao ministro Marco Aurélio. A vice-Procuradora Geral Eleitoral, Sandra Cureau, manifestou no último dia 12, em Brasília, pelo desprovimento do recurso especial e ratificou entendimento da Justiça Eleitoral de Tupã e do Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo (TRE). De acordo com o documento, referente à prestação de contas das eleições 2008, não houve comprovação da origem de dinheiro depositado em conta bancária. A irregularidade é insanável, conforme Resolução do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Num processo de prestação de contas que possui caráter formal, despacha a Procuradoria, “deve ser realizado em estrita obediência aos ditames legais específicos”. O TER desaprovou as contas apresentadas pela Coligação Waldemir/Donadelli, em virtude de depósitos em dinheiro sem identificação dos doadores, violando os artigos 5º e 19, II, da Constituição Federal, ...

Continue lendo esta notícia
Postado por: jota 0 comentário Categorias: Política