ANUNCIE AQUI!
25/03/2012

Vereadores de Quintana ameaçam derrubar veto aos super salários

O presidente da Câmara de Quintana, SP, Nelson Raimundo explicou que os vereadores devem reunir-se nas próximas horas, para decidir o que fazer com o veto do prefeito "Fernando Itapuã". Com o veto, o reajuste aos subsídios de mais de 100% para os salários dos parlamentares, prefeito e de mais de 200% para o vice fica prejudicado. Só resta à Câmara uma saída se quiser a manutenção desse aumento: derrubar o veto do Executivo. Dos 9 vereadores do Legislativo de Quintana, 7 votaram a favor. Houve um voto contra e uma abstenção. Em entrevista à imprensa "Fernando Itapuã" explicou o veto e garantiu que não é demagogia. Essa não foi a primeira vez que vetou aumento abusivo aos salários dos vereadores e a ele próprio, mesmo aprovado pelo Legislativo. Ouça:

Continue lendo esta notícia
Postado por: jota 0 comentário Categorias: Política
24/03/2012

Prefeito veta aumento abusivo de salários dos vereadores de Quintana

Reajuste iria significar 10% do valor da arrecadação do município durante o ano. Com mais de 100% de reajuste, prefeito passaria a ganhar quase R$ 10 mil O prefeito de Quintana, SP, Fernando Branco Nunes, “Fernando Itapuã” (PSC) vetou a integra do Projeto da Mesa da Câmara que fixou novos valores aos subsídios dos vereadores, secretários, vice e para o próprio prefeito. Em entrevista à Rádio Cidade, Itapuã justificou porque agiu assim. De acordo com ele, os novos valores iriam impactar de forma significativa na economia do município em R$ 2 milhões em 2013. O valor significa quase 10% de toda arrecadação de Quintana: Os novos vencimentos elevariam os salários dos parlamentares em mais de 100%, de R$ 1004,00 para R$ 2.200,00. O presidente da Câmara passaria de R$ 1.600,00 para R$ 3.325,00. O aumento também dobrava os vencimentos do prefeito e triplicava o do vice. O salário do vice-prefeito iria de R$ 900,00 para R$ 3.100,00 e do prefeito de pouco mais de R$ 4 mil para R$ 9.600,00. A tentativa de aumentar os próprios salários de forma abusiva repercutiu negativamente junto a população.

Continue lendo esta notícia
Postado por: jota 6 Comentários Categorias: Política
20/03/2012

Justiça condena secretário da Saúde de Pompéia Vitor Simões pela autoria de 5 crimes

Após um longo período de investigações da denúncia feita pelo Ministério Público, a Justiça condenou o secretário da Saúde de Pompéia, SP, Vitor Simões pela autoria de 5 crimes:o mais grave por falsificação de documento. No processo constam provas contundentes evidenciadas com a quebra de sigilo telefônico, bancário e imagens do sistema de segurança dos Correios de Jundiaí que demonstraram claramente a presença de Vitor Simões na prática do crime com a postagem, pagamento de R$ 10.000,00 e transporte com a utilização de um caminhão baú conduzindo o material de um dossiê falsificado que saiu do Diretório do PP de Pompéia. Todas as provas do processo foram obtidas com autorização Judicial e periciadas pela Policia. A sentença saiu no dia 27 de Fevereiro e, além da pena de Vitor Simões a Justiça também condenou o Partido Progressista com a suspensão das atividades políticas por 6 meses, isto em pleno ano da Eleição, já que no mês de Junho, os partidos realizarão as Convenções para a escolha de Candidatos. Acontece que o atual prefeito, Oscar Yasuda, vice Jorge Gouveia e um grupo de vereadores pertencentes ao PP da cidade correm o risco de não disputar as Eleições. A sentença do Juiz Samir Dancoart Omar, neste caso é inédita no país. Vale ...

Continue lendo esta notícia
Postado por: jota 2 Comentários Categorias: Política
18/03/2012

Braço esmagado e mordido: trabalhador rural é mais uma vítima da improbidade

A Polícia instaurou inquérito para investigar o acidente de trabalho que sofreu um rapaz numa propriedade rural de Arco-Íris, pertencente a Alcides Serafim, marido da vice-prefeita Ana. Sem ser habilitado e apesar de não pertencer ao quadro de funcionário público da prefeitura, o rapaz se acidentou com um trator pertencente a frota da municipalidade. Ele usava o veículo no dia 13 deste mês num arrendamento pertencente a Alcides Serafim, manipulando uma silagem. De repente perdeu o controle do trator e o tombou, sofrendo esmagadura de um dos braços entre outros ferimentos. O município de Arco-Íris possui Patrulha Rural para fornecer aos pequenos proprietários rurais, mas denúncias dão conta que Alcides Serafim não seria um pequeno produtor e pelo fato de ser marido da vice-prefeita e candidata a candidata a prefeita da cidade, o que aconteceria seria uma improbidade administrativa. Se não bastasse esse episódio, há muito tempo existe apontamento de nepotismo na administração municipal. É uma administração familiar à bem do serviço público. Em mais, um exemplo desse favorecimento descomedido é que Alcides além de ser marido da vice-prefeita, ao que consta o secretário de Agricultura que liberou o trator é o tio dele. O secretário de agricultura, João Serafim vai dizer que atendeu pedido do chefe de Gabinete, falou com o genro ...

Continue lendo esta notícia
Postado por: jota 1 comentário Categorias: Política
13/03/2012

Garp Comunicação promove Curso de Marketing Político-Eleitoral em OC

Curso será ministrado pelo consultor em Marketing Político, Giuliano Panvéchio O ano de 2012 será marcado pelas Eleições Municipais do próximo mês de outubro, onde serão eleitos prefeitos, vice-prefeitos e vereadores para os próximos quatro anos. É por isso que a Garp Comunicação Integrada lança o Curso de Marketing Político-Eleitoral com o consultor em Marketing Político, Giuliano Panvéchio. O evento será no dia 31 de março na Associação Comercial e Empresarial de Osvaldo Cruz e terá vários temas relacionados às eleições deste ano e ainda ao dia a dia de candidatos ou pessoas que detenham mandatos como vereadores, prefeitos e vice-prefeitos, entre outros. “Campanha política não se faz mais com base em ‘achismo’, mas a cada ano com nível profissional quanto a técnicas e emprego de meios e veículos de comunicação, mas principalmente, nos candidatos conseguirem levar com eficiência até o eleitor suas propostas de trabalho”, disse Panvéchio. O conferencista Giuliano Panvéchio é jornalista, advogado, radialista, assessor de imprensa, atual diretor de Comunicação da Prefeitura de Osvaldo Cruz, editor-chefe do Jornal Cidade Aberta e do Portal Ocnet (www.ocnet.com.br ) e consultor certificado pela Associação Brasileira dos Consultores em Marketing Político (ABCOP). Conteúdos Durante o curso o participante terá noções sobre marketing, um estudo de analogia entre “guerra e eleição”, gerenciamento de ...

Continue lendo esta notícia
Postado por: jota 0 comentário Categorias: Política
08/03/2012

Ex-prefeito de Caiuá é condenado por “apetite considerável”

A 3ª Câmara de Direito Público de Tribunal de Justiça de São Paulo (TJ-SP) reformou a sentença que condenou o ex-prefeito de Caiuá, Marco Lino de Macedo, por improbidade administrativa. O ex-prefeito, em viagem à capital paulista em janeiro de 2005, gastou R$ 503,64 com refeições. Em reembolso dessas despesas, apresentou as notas fiscais, que foram pagas pelos cofres municipais. A Fazenda Pública de Caiuá alegou que os gastos eram indevidos, pois representavam despesas com refeições de terceiros. Tendo ele praticado ato lesivo ao erário, requereu a condenação de Macedo por improbidade administrativa. A decisão de primeira instância julgou o pedido procedente para condenar o ex-prefeito a restituir ao erário, à suspensão de seus direitos políticos por cinco anos, ao pagamento de multa correspondente a duas vezes o valor do dano causado e à proibição de contratar com o Poder Público ou receber benefícios ou incentivos fiscais, direta ou indiretamente pelo prazo de cinco anos. De acordo com o texto da sentença, “basta analisar o consumo registrado nas notas fiscais para constatar que, em apenas uma destas refeições, foram consumidos 3,267 kg de alimentos em bufê, mais cinco pratos individuais, além de 10 chopes, cinco refrigerantes, duas águas de coco e dois cafés. Ora, mesmo que se considere o réu uma pessoa com ...

Continue lendo esta notícia
Postado por: jota 2 Comentários Categorias: Política
05/03/2012

Vice será empossado com renúncia de Bugareli

Mário Bulgareli é o primeiro prefeito a renunciar na história de Marília. O vice Ticiano Tofoli deve tomar posse nos próximos dias para cumprir mandato até 31 de dezembro. Mário Bulgareli estava pressionado há duas semanas pelo seu próprio grupo político. Ele inicialmente cogitava tirar licença médica. O prefeito responde a várias denúncias de corrupção, desvios e administração ficou isolada e a mercê dos adversários a partir do afastamento do ex-chefe de gabinete e ex-secretário da Fazenda, Nelson Virgílio Grancieri. Bulgareli foi duas vezes vereador e reeleito prefeito em 2008. Venceu Vinícius Camarinha. Chegou ao poder pelas mãos de Abelardo Camarinha como vice-prefeito.

Continue lendo esta notícia
Postado por: jota 0 comentário Categorias: Política
05/03/2012

Prefeito de Marília, SP, entra com pedido de renúncia do cargo

Documento foi protocolado nesta segunda-feira (05) na Câmara. Pedido deve ser lido pelo presidente da casa na sessão desta noite. Do G1 Bauru e Marília O prefeito de Marília, no interior de São Paulo, Mário Bulgarelli protocolou na tarde desta segunda-feira (05) um pedido formal de renúncia. O documento, assinado pelo prefeito na manhã de hoje, foi protocolado na Câmara Municipal pelo procurador da Prefeitura, Luiz Carlos Pfeifer. O pedido deve ser lido na sessão ordinária desta segunda-feira, tornando público o ato. Também estava marcado para essa sessão, a análise de um pedido de comissão processante contra o prefeito. O objetivo era investigar a participação no esquema de mensalão supostamente encabeçado pelo ex-chefe de gabinete e ex-secretário da Fazenda, Nelson Grancieri. Com a renúncia de Bulgarelli, o vice Ticiano Toffoli assume a administração municipal. No documento, Mário Bulgarelli não informa os motivos do pedido. O G1 tentou contato com o prefeito, mas, ele não foi encontrado.

Continue lendo esta notícia
Postado por: jota 0 comentário Categorias: Política
01/03/2012

Arco-Íris tem a melhor nota no índice de qualidade da saúde

Município paulista ficou com conceito 8,38 e está entre os que têm menos infraestrutura hospitalar, segundo Ministério da Saúde Priscilla Borges, iG Brasília | 01/03/2012 15:00 O município paulista de Arco-Íris ficou com a melhor nota do País no Índice de Desempenho do Sistema Único de Saúde (IDSUS). O indicador criado pelo Ministério da Saúde, em parceria com gestores e especialistas, para avaliar a qualidade do serviço público de saúde oferecido à população brasileira varia em uma escala de 0 a 10. Arco-Íris obteve 8,38. Todas as notas do País podem ser conferidas no site do ministério. O índice é composto, basicamente, de duas grandes variáveis: o acesso oferecido aos serviços e a efetividade desse atendimento. Ao todo, 24 indicadores já conhecidos (como taxa de mortalidade materna e quantidade de mamografias feitas a cada ano) foram usados no cálculo da nota, dada a cada cidade, Estado e ao próprio País. A média brasileira ficou em 5,47. A nota ideal na avaliação do próprio ministério seria acima de 7. Nessa condição, estão apenas 6,2% do total dos 5.563 municípios brasileiros. Na pequena quantidade de cidades com bons resultados, há poucas capitais. Os municípios menores se destacaram na divisão entre os grupos de cidades analisadas pelo Ministério da Saúde. Para evitar a criação de rankings ...

Continue lendo esta notícia
Postado por: jota 8 Comentários Categorias: Política
27/02/2012

A Justiça de Penápolis anulou concurso público

A Justiça de Penápolis anulou o concurso público realizado nos dias 20 e 27 de novembro de 2005 para o preenchimento de 97 vagas no Cisa (Consórcio Intermunicipal de Saúde) mantido pelas prefeituras de Alto Alegre, Avanhandava, Barbosa, Braúna, Glicério, Luiziânia e Penápolis. Na decisão, proferida no início deste mês, o juiz da 3ª Vara do Fórum de Justiça, Luciano Brunetto Beltran, determinou que os responsáveis pela seleção devolvam aos 1.748 candidatos os valores pagos como inscrição, devidamente corrigidos. A sentença também suspende os direitos políticos por três anos do ex-presidente do consórcio, Gino Corbucci Filho, que na época era prefeito de Avanhandava, do ex-diretor-administrativo e financeiro do órgão, Adão Aderson Gato, e do advogado Luiz Eduardo Moraes Antunes, responsável pela empresa Antunes Consultoria & Assessoria S/C Ltda, organizadora do concurso. Os três também foram condenados ao pagamento de multa civil no valor equivalente a dez vezes a remuneração recebida pelo prefeito de Avanhandava na época, cada um, à proibição de firmar contrato com o poder público por três anos e ainda a devolver aos cofres do consórcio os valores que foram pagos aos aprovados no concurso no período em que ocuparam os cargos.Os condenados ainda podem recorrer da decisão. Fonte: Folha da Região

Continue lendo esta notícia
Postado por: jota 0 comentário Categorias: Política