ANUNCIE AQUI!
24/01/2019

DRS de Marília confirma alteração no atendimento a pacientes com câncer

drs_ix_marilia

A explicação veio após o blog denunciar o caso que mexe com expectativa de vida de muitos pacientes atingidos pela doença. O Departamento Regional de Saúde (DRS) de Marília informa que a regulação dos casos oncológicos na região está ocorrendo por meio da Rede Hebe Camargo de Combate ao Câncer, do governo do Estado. A finalidade da rede é organizar o atendimento a pacientes com câncer em SP. Para tanto, conta também com uma central de regulação específica para encaminhamento dos casos oncológicos a serviços da referência, conforme a demanda de cada paciente. Na região de Marília, o atendimento aos pacientes oncológicos é ofertado pelo hospital das Clínicas e as Santas Casas de Marília, Tupã e Ourinhos. Além disso, para fortalecer o atendimento na região, no ano passado o governo do Estado firmou convênio e implementou, no regional de Assis, uma “clinicas estendida” de Oncologia da Santa Casa de Ourinhos.

Continue lendo esta notícia
Postado por: jota Categorias: Saúde
24/01/2019

Câncer: hospital Amaral Carvalho desconhece determinação

Amaral Carvalho

A assessoria de imprensa da unidade hospitalar enviou ao blog uma nota, esclarecendo desconhecer o teor da informações reveladas ontem (23), sobre eventual transferência de pacientes para o hospital de Clínicas de Marília e Oncologia de Tupã, por determinação da Secretaria estadual de Saúde.  Até o momento, o Hospital Amaral Carvalho de Jaú não recebeu nenhuma comunicação de possíveis mudanças no encaminhamento e/ou atendimento de pacientes dos municípios integrantes da DSR-IV de Marília. E reitera seu compromisso para o aprimoramento contínuo do Sistema Único de Saúde, como vem fazendo há décadas. O Hospital Amaral Carvalho coloca-se, como sempre, à disposição para atender toda a população na prevenção, detecção e tratamento do câncer, área na qual é reconhecidamente referência nacional. Hospital Amaral Carvalho :- Ariane Urbanetto Andrioli A PROVA Coincidência ou não, a reportagem teve a confirmação do fato, a partir do agendamento de uma consulta médica com pedido verbal de urgência e encaminhamento para o hospital Amaral Carvalho de Jaú. Todo o procedimento foi elaborado pela Secretaria Municipal de Saúde de Tupã. A família da paciente foi informada pelo AME -Ambulatório Médico de Especialidades, sobre o dia e horário da consulta redirecionada para o hospital de Clínicas de Marília. Veja no documento timbrado da Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo, que o solicitante do ...

Continue lendo esta notícia
Postado por: jota Categorias: Saúde
23/01/2019

Pacientes com câncer agora serão atendidos no hospital de Clínicas de Marília

DCIM100MEDIA

Hospitais referências no tratamento da doença, como o Amaral Carvalho de Jaú, e o de Câncer de Barretos, não atenderão pessoas da região. Uma mobilização começa ser iniciada por voluntários de entidades que atendem pessoas vítimas de câncer. O objetivo é esclarecer e cobrar de autoridades políticas uma ação conjunta para beneficiar esses pacientes que buscam tratamento especializado para amenizar os impactos causados pela doença. Agora, por determinação da Secretaria Estadual de Saúde, os pacientes da região de Marília, que precisam de tratamento oncológico: Tupã, Iacri, Bastos, Rinópolis, Parapuã, Quintana, Herculândia, entre outras, não realizam mais o tratamento em Jaú, no Hospital Amaral Carvalho. Os pacientes estão sendo encaminhados para Marília e Tupã. Para a presidente das Ativistas Iacrienses de Combate ao Câncer – AICC, Leni Gastalli, o temor não é em relação ao atendimento dos centros de Marília e Tupã, mas pelo fato de que se trata de um direito de os pacientes terem um atendimento especializado. “Sem desmerecer os centros de atendimento dessas duas cidades, mas hoje, o Amaral Carvalho e o hospital do Câncer de Barretos são referências mundial no tratamento contra a enfermidade. Você não pode transferir os doentes para Jaú ou Barretos apenas quando estiverem graves”, enfatizou. Outras pessoas ligadas à área da saúde e, por isso, preferem não ser ...

Continue lendo esta notícia
Postado por: jota Categorias: CidadeSaúde
22/01/2019

Bolsonaro e Moro enfrentam prova de fogo com caso Flávio Bolsonaro

Coletiva Sergio Moro

Por Pedro Ribeiro  21 de janeiro de 2019, 12:22 É grande o desconforto de integrantes do governo recém empossado com o caso que se arrasta e envolve o filho do presidente Jair Bolsonaro. A falta de explicações convincentes de Flávio Bolsonaro e de seu motorista ameaçam comprometer a imagem e a credibilidade do governo, no momento em que ele se prepara para enviar para aprovação do Congresso Nacional seu pacote de medidas de reformas necessárias ao país. Primeiro a se manifestar foi o chefe do Gabinete Institucional, general Augusto Heleno, ao afirmar que o caso das denúncias do Coaf contra o senador eleito e filho do presidente, Flávio Bolsonaro e seu motorista, não tem nada a ver com o governo do pai. Agora o também general de reserva e vice-presidente Hamilton Mourão faz questão de repetir o que disse seu ex-colega de farda. Todo o círculo militar do governo está insatisfeito com os rumos que o caso vem tomando, mesmo que, de fato, ele não tenha nada a ver diretamente com o governo. Mas sabem que o caso pode ser cada vez mais potencializado pelo descontentamento de uma imprensa contrariada em seus interesses e com quem o presidente estabeleceu relação de confronto, e também por uma rede digital de blogueiros antes remunerados pelo governo ...

Continue lendo esta notícia
Postado por: jota Categorias: CorrupçãoPolítica
14/01/2019

Médico de Iacri critica Bastos e a chama de “Capital da Mosca”

mosca doméstica

O grande número de moscas que infestam as chácaras e ranchos teriam deixado o profissional irritado. O prefeito Manoel Ironides Rosa (MDB) prometeu aguardar a repercussão para responder ao desafeto   O ex-vice-prefeito de Iacri, o médico Luiz Henrique Barreto Magalhães é apontado como autor de um áudio divulgado pelo aplicativo WatsApp criticando a cidade de Bastos, conhecida nacionalmente como a “Capital do Ovo”. “Eu vou detonar Bastos. Eu detono mesmo. Bastos não é a capital do ovo, é a capital da mosca”, finalizou Magalhães. Tudo começou quando possivelmente o médico, familiares e amigos alugaram uma propriedade às margens da SP- 425 – Rodovia Brigadeiro Eduardo Gomes, que liga Iacri a Bastos, para passar algumas horas de lazer. No local, há área de lazer, com piscina e churrasqueira. O rancho fica na mesma área onde a ex-prefeita Virgínia Fernandes reside. Mas, o que chamou a atenção mesmo, foi o enxame de moscas de várias espécies. Os insetos aglomeravam em copos, pratos, talheres, tábua de carne e com voos rasantes colocaram todos para correr. O médico, familiares e amigos recolheram tudo e foram embora, mas as considerações chamando a atenção de autoridades políticas de Bastos e os granjeiros foram feitas via aplicativo. Em resposta, o prefeito Manoel Rosa também teria deixado vazar um áudio dizendo - eu vou esperar ...

Continue lendo esta notícia
Postado por: jota Categorias: Regional