ANUNCIE AQUI!
02/10/2016

Renovação: depois de 20 anos, Tupã assiste virada histórica

Ricardo carreata

Levados por Ribeirão, Fuin, Donadelli e Lucilia foram os maiores derrotados. Gaspar e o vereador já não tinham nada a perder. O desfecho da derrocada de três grupos políticos foi numa virada espetacular da dupla Ricardo Raymundo (PV) e Caio Aoqui (PSD). Alia-se a isso o desejo que ressurgiu outra vez nos eleitores tupãenses de provocar alteração na disputa pelo Paço Municipal. Isso ocorre por ironia do destino após 20 anos da vitória de Manoel Gaspar (PMDB) em 1996, eleito à época como RENOVAÇÃO. Gaspar tornou-se o divisor de águas entre a renovação do passado e do presente. Talvez, no momento seja um alento. Envelhecido no jeito de fazer política, Gaspar aliou-se ao vereador Antônio Alves de Sousa, Ribeirão (PP) e decretou sua própria sentença de “morte” na política. Desdenhado como prefeito perdeu o reconhecimento do legado de empreendedor que havia deixado após dois mandatos. Eleito para um terceiro mandato, terceirizou a administração para Ribeirão, se envolveu em escândalos e sequer conseguiu viabilizar sua renúncia em duas ocasiões. As poucas conquistas que conseguiu permitiu que o Ribeirão dissesse que foi ele o responsável pelo feito. Já os erros e fracassos foram assinados por Gaspar. Ribeirão ficou apenas com o bônus temporário. Foi assim que a dupla perdeu a eleição da Mesa Diretora do LEGISLATIVO ...

Continue lendo esta notícia
Postado por: jota Categorias: Política
02/10/2016

Máfia do asfalto: agora Bastos está na mira da Polícia Federal

Foto/Fonte: Bastos Já / Da Tribuna

Decretada indisponibilidade dos bens da prefeita de Bastos Virginia Fernandes (PSDB). A Operação Fratelli já havia identificado o mesmo esquema de fraude em Herculândia e Osvaldo Cruz. Na região,  o deputado Cândido Vaccarezza é o suspeito de operar a liberação de verbas com "cartas marcadas". Leia também: Osvaldo Cruz e Herculândia são citadas em planilhas da Máfia do Asfalto, diz Polícia Federal  A Vara Única do Foro de Bastos deferiu pedido de liminar para decretar a indisponibilidade dos bens da prefeita do município, Virgínia Pereira da Silva Fernandes, além de seis empresas, 12 empresários, dois empregados das companhias e três servidores municipais suspeitos de envolvimento em esquema de fraude em licitações. Também foi decretada a suspensão temporária (até o julgamento definitivo) da participação das empresas suspeitas em novos certames. A decisão é resultado de ações promovidas pela Operação Fratelli, que investigou suposto conluio criminoso entre políticos, empresários e servidores públicos com o fim de fraudar licitações, especialmente de serviços de pavimentação e recapeamento, mas também para construção de galerias de águas pluviais, imóveis populares e outros. De acordo com o Ministério Público, ocorria o "direcionamento" dos certames, nos quais os vencedores já eram de antemão conhecidos, sendo os procedimentos licitatórios realizados apenas para manter a aparência de legitimidade. Segundo o juiz Arthur Lutiheri Baptista Nespoli, “os ...

Continue lendo esta notícia
Postado por: jota Categorias: PolíciaPolítica
02/10/2016

Eleições 2016: o futuro de Tupã nas urnas

Urna eletrônica é segura, segundo o Tribunal Superior Eleitoral. Foto: Elza Fiuza /Agência Brasil

Neste sábado, último dia para manifestação pública, três dos quatro candidatos a prefeito realizaram carreata pelas ruas da cidade. O eleitor tupãense volta às urnas neste domingo (2) para eleger o próximo prefeito de Tupã e os 15 vereadores que vão compor a próxima legislatura da Câmara Municipal. Neste ano 50.962 eleitores estão aptos a votar. Nestas eleições municipais os tupãenses terão quatro candidatos a prefeito. De acordo com a ordem alfabética os candidatos a prefeito são Borracha – Gilberto Marques (PSOL); Fuin – Wagner Fuin (PMDB); prof. Waldemir – Waldemir Gonçalves Lopes (PSDB) e Ricardo Lajes Tamoyo – José Ricardo Raymundo (PV). Já com relação ao Legislativo, os eleitores terão 165 candidatos disputando as 15 cadeiras da Câmara Municipal, uma média de 11 candidatos por cadeira. A previsão é que a totalização dos votos seja concluída na noite deste domingo ou durante a madrugada de segunda-feira (3), oficializando os novos vereadores da Câmara Municipal. Já o próximo prefeito e vice-prefeito de Tupã só deverão ser definidos após o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) julgar o recurso do candidato Waldemir Gonçalves Lopes, que teve a candidatura impugnada pelo Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo (TER-SP) na quinta-feira (29) por improbidade administrativa (Lei da Ficha Limpa). Por isso, fica na dependência do TSE promulgar o resultado ...

Continue lendo esta notícia
Postado por: jota Categorias: Política
26/09/2016

Oficial: radialista Jota Neves e Rádio Cidade rompem contrato

Jota estúdio

Depois de praticamente 15 anos de casa em duas passagens pela Rádio Cidade de Bastos (91,5) Jota Neves e a emissora romperam oficialmente nesta quinta-feira (22) o contrato que havia sido retomado a partir de 2008. Jota Neves foi contratado para atuar como repórter da sucursal de jornalismo em Tupã a partir de 2005, quando deixou a chefia da Divisão de Imprensa da Prefeitura nos dois primeiros governos de Manoel Gaspar (1997/2004). Entre 2007 e meados de 2008, o radialista que também presta serviços de consultoria em gestão da comunicação esteve em Paraguaçu Paulista. Atuou para reeleger o saudoso prefeito Arruda Garms. Retornou à emissora para comandar os projetos: debates políticos, ampliação do jornalismo na grade da emissora e a bancada do programa. À época, a Rádio Cidade contava apenas com uma hora de jornalismo (11h30 às 12h30). Também sugeriu a instalação da sucursal de Rancharia que durante anos foi comandada pelo Benito Abramo (in memoriam) e revigorou a de Osvaldo Cruz com a repórter Janâine Araújo. No início de 2009, a empresa passou a contar com noticiários de hora em hora e duas edições do Jornal da Cidade (7h20 às 8 horas e das 11h30 às 13 horas). Os debates foram realizados em duas eleições municipais (2008 e 2012) fortalecendo o conceito de ...

Continue lendo esta notícia
Postado por: jota Categorias: Cidade
20/09/2016

Candidato a prefeito de Parapuã, ‘Wellington Pneu’, é denunciado por peculato

Procurado pelo IMPACTO, o vereador e candidato a prefeito ‘Wellington Pneu’ não atendeu as ligações da reportagem (Foto: Folha Regional)

Provas testemunhais comprovam doação de uniforme pelo Estado e laudo pericial confirma adulterações com intuito de promoção pessoal, conforme denúncia do Ministério Público DA REDAÇÃO | GRUPO IMPACTO O MPE (Ministério Público do Estado de São Paulo), por meio do promotor de Justiça Jess Paul Taves Pires, denunciou o vereador e candidato a prefeito de Parapuã, Wellington César Gonçalves de Aguiar – conhecido por Wellington Pneu – por crime de peculato, que é apropriar-se indevidamente de dinheiro ou bem público. Segundo apurado em inquérito policial de abril de 2015, o denunciado, na condição de vereador, recebeu do Estado de São Paulo alguns uniformes identificados com logo do Governo para as equipes de futebol do município. “Ocorre que, com o objetivo de promoção pessoal às custas do erário, supriu os brasões e símbolos do Estado de São Paulo, estampados em referidos uniformes, mediante a sobreposição de seu nome e logo, apropriando-se de aludidos bens, como se dono fosse”, diz a denúncia do MPE. Ainda segundo a promotoria, consta nos uniformes símbolos aparente de pneu e a inscrição ‘Wellington Pneu’. “Em sequência, como se dono fosse dos aludidos uniformes, doou-os a equipes de futebol da cidade de Parapuã”, conforme apurado. Após perícia nos citados uniformes, a Polícia Civil encaminhou inquérito policial ao MPE, que fez a denúncia ...

Continue lendo esta notícia
Postado por: jota Categorias: PolíticaRegional